• CRÍTICA LISÍSTRATA POR HOMERO CAVALVANTE

    "Ontem tive uma noite luminosa ! Graças aos alunos do Módulo III da ETA-Ufal, sob a direção de minha irmã de palco Waneska Pimentel, fazendo "Lisístrata" ! Uma das características do clássico teatro grego, é permanecer vivo por conta de suas possibilidades de "contemporaneidades". E nada mais contemporâneo que essa montagem alegre, dinâmica e bem feita. Creio que Aristófanes, de lá da azul morada dos artistas, deve estar dando cambalhotas e gargalhadas com o que assistiu ! Nada mais acertada que a escolha desse texto, para esse momento tão caótico e violento em que estamos vivendo. Nada mais acertado que tentar promover a celebração da paz entre irmãos. Louvores à direção inteligente e generosa. Louvores ao elenco talentoso, capaz e grávido de paixão pela arte de representar. Creio que os deuses do teatro, já exigiram das Parcas a tecitura de um destino glorioso para todos ! Creio que assisti,também, ao nascimento de um novo grupo de teatro em terras de Maceió. Evoé !!!!!!! P. S. Caríssima! Tudo foi escrito com tintas do coração! Veja a possibilidade de enviar para o elenco. Beijinhos !!!!" Homero Cavalcante.