• REUNIÃO COM REITORES E DIRIGENTES

    Nesta quinta-feira, 20 de junho, às 14 horas no Auditório do MEC, foi aberta a reunião com os Reitores e Dirigentes das Escolas Técnicas vinculadas às Universidades Federais com as presenças do Prof. Marco Antônio de Oliveira, Secretário da SETEC/MEC, Prof. Alécio Trindade de Barros, Diretor de Desenvolvimento da Rede Federal do EPT e do Prof. Marcelo Feres, Diretor de Integrações das Redes de Educação Profissional e Tecnológica que comandaram a reunião. Estavam também presentes o Presidente do CONDETUF, Prof. Júlio César de Andrade Neto, Reitores ou representantes e dirigentes das Escolas Técnicas Vinculadas às Universidades Federais. Pela Escola Técnica de Artes estava presente o Prof. Eduardo Xavier. Explanando as linhas gerais da reunião, Prof. Marco Antônio dissertou sobre o programa Brasil Profissionalizado que visa a manter a continuidade do acordo com o Sistema S, o incremento da Rede E-Tec e a ampliação do programa de Educação à Distância. Prof. Alécio salientou que as metas para 2014 são quase 8 milhões de vagas para o PRONATEC, sendo quase 3 milhões destinados ao Bolsa Formação Trabalhador e 411 mil vagas para o Bolsa Formação Estudante. Falou das questões gerais que envolvem a dinâmica do PRONATEC destacando as escolas que já pactuaram em 2011, dentre as quais a Escola Técncia de Artes da UFAL que, este ano, com aproximadamente mais outras dez outras Escolas Viculadas estão ampliando o número de cursos, vagas e cidades nas quais o programa está sendo ofertado. Como exemplo de sucesso administrativo, o Prof. Alécio citou a Escola Agrotécnica de Jundiaí vinculada à Universidade Federal do Rio Grande do Norte que teve menos de 1% de evasão no programa ofertado em 2011. Dando continuidade à palestra, ele disse que deverão ser implantados o banco de equivalência de docentes e o programa de assistência estudantil para os alunos dos cursos técnicos das Escolas Vinculadas, além do fortalecimento dessas escolas nas Universidades e utilização de ação específica da Educação Profissional nas LOA´s da Universidades. Disse ainda que cabe aos reitores dar apoio no sentido de levar o PRONATEC ao conhecimento dos Conselhos Acadêmicos e Universitários como forma de integração das políticas institucionais. Disse ainda aos reitores presentes que também cabe a eles apoiar administrativamente a viabilização do Bolsa-Formação e incentivar às Unidades Acadêmicas a se inserirem no PRONATEC, com benefício das políticas de qualificação e inserção profissional. Prof. Alécio sinalizou que poderá telefonar para o Prof. Eurico Lobo no sentido de disponibilizar um técnico do SETEC para tratar de assuntos ligados ao PRONATEC na UFAL. Na ocasião Prof. Eduardo Xavier apresentou os números positivos do programa na Escola Técnica de Artes afirmando na ocasião que ele já o considera um programa vitoriosa na Instituição. Afirmou ainda que existe um excelente relacionamento entre a gestão da UFAl e a Escola Técnica de Artes. Disse, entretanto, que alguns pontos deverá ser afinados para consolidar em definitivo o programa, citando como exemplo questões nas quais não deverão restar dúvidas com naturezas de despesas, estas ainda por serem compreendidas pormenorizadamente pelos setores competentes da UFAL, assim como a dinâmica geral do programa. Finalizada a reunião, Prof. Eduardo foi ao encontro do Prof. Alécio, demonstrando a satisfação quanto à possibilidade da liberação de um funcionário da SETEC para uma visita de apoio técnico à ETA/UFAL e ressaltou o trabalho minuncioso e hercúleo realizado pela Coordenadora Geral do PRONATEC- ETA/UFAL, Marilda Maria de Melo. A reunião foi cordial e muito positiva nos acenos dados pelos membros da SETEC/MEC ao incremento do PRONATEC nas Escolas Técnicas vinculadas.